Imobiliário

Síndico profissional e síndico morador: qual a diferença?

By setembro 15, 2020No Comments

O síndico é o profissional responsável pela gestão do condomínio. Ele desenvolve atividades como gestão financeira, vistoria e manutenções de segurança. Além de fiscalizar o cumprimento das regras do condomínio e intermediar conflitos entre moradores. Para entender melhor sobre a profissão, você pode clicar aqui. Neste texto, vamos falar sobre as principais diferenças entre a atuação do síndico profissional e a do síndico morador.

Ao contrário do que muitos pensam, a função de síndico não é uma tarefa fácil. Muito menos que pode ser feita de qualquer jeito. É preciso ter habilidades interpessoais, boa comunicação e organização. E ter conhecimentos específicos é o que te ajuda a se destacar no mercado. Entre esses conhecimentos estão: administração, planejamento, gestão financeira e até mesmo legislação e meio ambiente.

Qual escolher: síndico profissional ou morador?

O síndico morador é alguém que já mora no condomínio e assume a função de gestor do local. Por também assumir o papel de usuário, ele tem facilidade para resolver as necessidades do condomínio. Porém, o síndico morador geralmente mantém vínculos afetivos com outros vizinhos. Isso pode interferir diretamente na forma de gerir o local.

Já o síndico profissional é um prestador de serviço para o condomínio. Ele tem conhecimentos específicos para desempenhar a função com eficiência e qualidade. Para isso, precisa fazer um curso de especialização. Esse curso aborda questões financeiras, legislações, vigilância, sustentabilidade e muitos outros temas. E é isso que te capacita para ser destaque no mercado.

As vantagens de contratar um profissional para fazer a gestão do condomínio

A principal vantagem é que o síndico profissional tem formação específica e embasada para exercer a função. Ele entende de planejamento financeiro, legislações, manutenção predial, eficiência energética e diversos outros assuntos. Para a gestão de condomínios com mais de duas torres e lazer de clube, por exemplo, optar por um profissional é o mais indicado.

Outra vantagem é que o síndico profissional tem uma relação imparcial com os moradores do condomínio. Sabemos bem que conflitos entre vizinhos são muito comuns. E, no caso de um síndico morador, isso pode dificultar a boa gestão do local. Concluímos que contratar um síndico profissional é a melhor opção. Facilita as tomadas de decisões, cobranças e, inclusive, aplicação de sanções em casos necessários.

A função está em alta e é cada vez mais importante no mercado. Tem interesse em se tornar síndico profissional? Clique aqui e conheça o curso de Sindico Profissional do IBREP.

Fale com um dos nossos consultores clicando aqui!

Leave a Reply

WhatsApp Atendimento Comercial